California

655 Campbell Technology Parkway,
Suite 200
Campbell, CA 95008 USA

Phone: +1 408 574 7802
Fax: 1 408 377 3002

TODOS OS ARTIGOS

Como a Transformação Digital na Moda

4 TEMPO DE LEITURA
HatenaLineKakaoTwitterFacebookLinkedInWhatsApp

Os últimos dois anos aceleraram uma mudança em direção à transformação digital na indústria da moda, levando as empresas a adotar soluções digitais mais rapidamente para sobreviver.

A questão não é mais adotar a tecnologia: quais tecnologias e com que rapidez. Embora possa ser assustador, também é uma oportunidade de ouro para marcas de moda e varejistas investirem em soluções digitais que lhes permitam oferecer aos consumidores o que desejam, como desejam e quando desejam.

O que é Digitalização da Moda?

A digitalização da moda significa coisas diferentes para empresas diferentes. Para um varejista, a transformação digital da moda é uma forma de se aproximar dos consumidores, para outras marcas de moda significa impulsionar a inovação ou acelerar o tempo de lançamento no mercado para ficar mais próximo da tendência.

Quaisquer que sejam os objetivos específicos, a digitalização da moda requer uma estratégia coesa e deliberada que integre todos os sistemas de uma empresa. A verdadeira transformação digital atinge e melhora todas as áreas de negócios por meio de mudanças de processos organizacionais combinadas com tecnologias modernas como Gestão do Ciclo de Vida do Produto (PLM), com o objetivo de beneficiar o negócio, os funcionários, seus fornecedores, seus parceiros e, claro, o cliente.

Quais Disrupções a Indústrias da Moda está Enfrentando?

A indústria da moda continua enfrentando uma tempestade perfeita de turbulência geopolítica, fechamento de fábricas e portos, novas regulamentações e inflação nos custos de energia, material e frete e o comportamento do consumidor em constante mudança. Simultaneamente, houve uma mudança significativa em direção à colaboração remota de funcionários e vendas de E-commerce. A sustentabilidade está no topo da agenda do consumidor, com visibilidade e transparência tornando-se críticas para consumidores, parceiros e reguladores.

Aqui estão as três principais mudanças de mercado às quais as marcas de moda e os varejistas precisam prestar atenção agora:

1. Varejo com Foco no Cliente

Nos últimos dois anos, muitas pessoas reavaliaram seus estilos de vida; anseiam por equilíbrio, liberdade de escolha e simplicidade na maneira de viver. Agora, com uma possível recessão em ascensão e o custo de vida aumentando dramaticamente, os clientes estão mudando radicalmente a maneira como vivem e, mais importante, tornando-se mais seletivos ao gastar seu dinheiro.

Como resultado, os clientes desejam cada vez uma experiência de varejo mais humanizada, sustentável e ética que faça sentido não apenas para o planeta, mas também para as comunidades locais. Para satisfazer a demanda do consumidor por transparência em relação aos impactos ambientais e sociais da moda, muitas marcas estão investindo recursos em soluções digitais para iniciar, rastrear e desenvolver iniciativas de sustentabilidade.

Ao mesmo tempo, as pessoas querem simplificar seus processos de compra e ter maior agilidade na hora de comprar e receber um produto. Em resposta, a indústria da moda está redirecionando seu foco do produto e da marca para o consumidor e sua experiência. Construída a partir de uma estratégia omnichannel pensada para estreitar o relacionamento marca-consumidor, não é à toa que o modelo direto ao consumidor (DTC) explodiu em 2021.

2. Fundindo Tecnologias Digitais em Modelos de Negócios

Seria fácil supor que as compras online estão substituindo o varejo tradicional, mas a verdade é que as pessoas que compram online ainda desfrutam da experiência social das compras na loja. Está comprovado que a abertura de uma loja física em novos locais pode aumentar os pedidos online de clientes da região.

A mistura de varejo físico e digital define a nova tendência de experiência do consumidor conhecida como ‘phygital’. Para marcas de moda e varejistas, o desafio é como mesclar com sucesso as experiências de atacado, na loja, e-commerce e mídia social.

Soluções como Centric PLM® e  Centric Planning™, pode juntar os pontos em todas as fases do planejamento e ciclo de vida do produto. Particularmente ao integrar com outros softwares, como sistemas de CRM e ERP, substituindo soluções de software de nicho isoladas por uma plataforma aberta colaborativa que incorpora dados de qualquer lugar em tempo real. Cálculos complexos e análises multidimensionais tornam-se um trabalho leve com previsão de IA e ML, permitindo que marcas e varejistas aprimorem sua tomada de decisão, melhorem o planejamento e desenvolvimento de produtos e acelerem o tempo de lançamento no mercado

…trabalhar com a Centric não é apenas implementar um sistema PLM. Trata-se de desenvolver novas maneiras de trabalhar em conjunto e se beneficiar das melhores práticas e expertise do líder do setor.”- Carl Borg, Diretor Global de TI da GANT

Para as empresas de moda, obter o mix físico e digital correto pode melhorar a fidelidade à marca e a retenção de clientes, atrair novos clientes, aprimorar o atendimento ao cliente e gerar melhores estratégias de produtos.

3. Consumidores Multidimensionais

A indústria da moda costumava definir os consumidores por critérios muito simples, como idade, sexo e tamanho. Hoje em dia, é necessária uma compreensão mais profunda dos consumidores. A tecnologia capacita a coleta de dados em critérios ilimitados, permitindo que as marcas criem uma imagem muito mais completa e personalizada dos consumidores e desenvolvam novas coleções de acordo.

Ter toda uma pilha de dados sobre seus clientes é uma coisa, mas usá-los a seu favor é um jogo diferente. Também é possível que as empresas de moda se tornem muito obcecadas por dados e percam o contato com o fator humano da moda. Marcas e varejistas de moda precisam garantir que estão coletando dados com um objetivo em mente – e que possuem as ferramentas analíticas necessárias para compreendê-los e usá-los de maneira eficaz.

Nunca esqueça que as pessoas são seres humanos em primeiro lugar e consumidores em segundo lugar. As pessoas agora esperam mais das marcas que apoiam. Essencialmente, eles querem marcas em que possam confiar; marcas com um toque humano – e isso significa um posicionamento claro da marca, transparência e produtos com foco no cliente.

Como Navegar na Transformação Digital na Indústria da Moda

As soluções de transformação digital da moda representam uma oportunidade para marcas de moda e varejistas para aumentar a agilidade, substituir processos manuais desatualizados e conectar-se mais facilmente com parceiros, partes interessadas internas e consumidores. No entanto, pode ser difícil navegar na galáxia de opções disponíveis para escolher soluções que resolvam os desafios do dia a dia e se alinhem com as metas estratégicas de negócios.

Estes são alguns princípios orientadores a serem considerados: 

Investir em uma solução que integre todos os seus pontos de contato digital pode gerar a inteligência necessária para se conectar com os consumidores e tomar decisões inteligentes e rápidas e criar produtos mais relevantes. Você colherá os frutos da fidelidade do cliente e um melhor envolvimento com sua marca, o que a longo prazo levará a mais vendas e um posicionamento de marca mais forte.

Se você tornar mais fácil para os consumidores escolher e comprar produtos de você, eles voltarão sempre. Mesmo antes da pandemia, o consumidor estava migrando para a conveniência do online – agora não há como voltar atrás!

Soluções de transformação digital, como Centric PLM, Centric Planning e Visual Boards facilite a coordenação de estratégias de lançamento de produtos omnichannel, acelere o tempo de lançamento no mercado e envie automaticamente as informações e os visuais do produto para sua plataforma de e-commerce e gerencie o estoque para disponibilizar os produtos on-line o mais rápido possível.

Dados de alta qualidade do sistema certo fornecerão insights que direcionarão decisões estratégicas sobre operações críticas, como gerenciamento de estoque. Desde ver a disponibilidade do produto em tempo real até prever com precisão a demanda, ferramentas digitais eficazes podem permitir que as empresas de moda reduzam o desperdício, excesso de estoque e descontos, otimizem as margens e ofereçam uma experiência amplamente aprimorada aos seus clientes.

A transformação digital eficaz determinará quais players da indústria da moda se adaptam e quais marcas e varejistas enfrentam dificuldades devido à falta de integração entre equipes e plataformas, processos desatualizados e visibilidade impedida. Investir tempo e recursos na seleção das soluções de transformação digital certas é um verdadeiro investimento no futuro do seu negócio de moda.